MEU FOGO, MINHA LUZ 

Em 2018 nasce o Noori, em São Paulo, Brasil.

 

 

Estar reunido em volta do fogo é um dos hábitos socioculturais mais antigos que preservamos. Seu controle, que originou o desenvolvimento da culinária, se configurou como uma das grandes transformações da história humana. Na tradicional residência caipira, o fogão a lenha sempre esteve em evidência: era em torno dele que se construía o resto da casa. Nos dias de hoje, a cozinha ganha evidência em projetos arquitetônicos e volta a ser um espaço de convívio social, mas, muitas vezes, as restrições de espaço e estrutura impedem o resgate do antigo costume de acender o fogo e ali permanecer cozinhando e conversando, ao ar livre. 

 

O Noori, que significa “meu fogo, minha luz” e é o nome dado a recém-nascidos em árabe e em hindu, foi concebido por Eduardo Gayotto.  Eduardo, que é Designer, cresceu em torno do fogão a lenha, pilotado por sua mãe e tios próximos nos encontros do final de semana. Após uma imersão na Permacultura (IPEMA) que é uma síntese do conhecimento tradicional e da ciência moderna, com integração do design e da ecologia, conheceu o Rocket Stove, fogão a lenha vertical em “L”que através de sua proporção (1:2:3), maximiza o uso de combustível, produz mais calor com a menor quantidade de lenha possível. 

Partindo desta proporção e com um problema a ser resolvido - como desenhar um Rocket Stove que agregasse uma churrasqueira, um forno e um aquecedor - começaram os rabiscos. Eduardo então chamou dois amigos para integrarem o projeto, Plinio Ruschi e Pedro Heldt.

 

Desenhos, protótipos, busca de fornecedores parceiros, pesquisas, mais desenhos, e mais desafios até a criação do Noori® V01, que possuía o corpo de concreto refratário.

 

Com referências que vão desde a escola paulista de arquitetura, o design de mobiliário escandinavo (Eduardo morou na Suécia) ao Archigram, grupo de arquitetos ingleses da década de 1960, a criação de sua forma foi intuitiva - rocket, significa foguete em inglês. O passo seguinte seria a busca por materiais e fornecedores, visando sempre a sua durabilidade.

Lançado em 2019, o 
Noori® V01 foi premiado em diversos concursos nacionais e internacionais:

DWELL AWARDS 2021 - São Francisco - (vencedor melhor Objeto)

DEZEEN AWARDS 2019 - Londres - ( Shortlist - Homeware Design)
MADE LATINA - São Paulo - (vencedor categoria 10m)
It's Liquid 2019 - Veneza - (vencedor melhor objeto)

DESIGN / Forma, Função e Durabilidade
A visibilidade adquirida após os prêmios e repercussão em diversas mídias como Wired, CoolHunter, Design Milk, Architectural Digest, entre outras, possibilitou a venda a diversos países como Estados Unidos, Canadá, Holanda, Alemanha, França, Espanha, Austria passando por Dubai, Emirados Árabes até chegar na Austrália e Nova Zelândia, porém o grande peso e fragilidade do concreto refratário para transporte em longas distâncias, impactou diretamente na cadeia produtiva. Como a essência do Design é a resolução de problemas, a melhor solução encontrada foi a evolução do Noori® V01 para o Noori® V02.

 

O Noori® V02 AIRY, além de otimizar o uso combustíveis como lenha, carvão e briquettes, une a leveza e a durabilidade do aço

esmaltado com a resistência térmica do concreto refratário, agora no V02 AIRY presente em 06 placas internas formando o inovador Sistema AIRY — basta retirar algumas placas refratárias internas e as labaredas são expostas, para uma maior contemplação do fogo. O Noori. V02 AIRY também pode ser facilmente montado e desmontado (apenas por uma pessoa) sem ferramentas, e super portátil, basta colocar no porta-malas e levá-lo com você para qualquer lugar.


Lançado em 2021, o Noori® V02 Airy recebeu também prêmios importantes do design nacional e internacional.

DEZEEN AWARDS 2021 - Londres - ( Long list - Product Design)
BRASIL DESIGN AWARDS 2021 - ( prata-design de produto)